Pular para o conteúdo principal

De melhores amigas a quase nada.

All of the fun things we did together.

I thought we'd be friends forever. 
But then you had to leave.
They say a true friendship never ends.

I have to disagree.
[Best Friends - L.L. - modificada]


Eu não disse nada, apesar de querer dizer tanta coisa. Não éramos mais as melhores amigas de outrora, talvez pelo destino ou apenas por nossas escolhas - certas ou não. Não nos crucifiquei, porque eu sabia que essas coisas aconteciam.  É que doeu. Saber que você já tinha há tanto tempo quem a socorresse e saber que eu havia a substituído tão bem me fez desacreditar que havíamos sido mesmo aquelas grandes amigas que imaginávamos. Mas então, olhando de longe para você, entendi que as coisas simplesmente acabam, as pessoas simplesmente mudam e os sentimentos simplesmente vão embora. Eu continuava a gostar de você, continuava a me importar e continuaria a te ver com aquela frequência irrelevante. Mas eu não diria mais nada. Não me permiti me intrometer. Eu sabia que - teimosa do jeito que sempre foi - não me ouviria. E então eu não diria nada. Não pense que eu a deixei de lado. É que hoje eu vejo que de melhores amigas fomos a quase nada. E às vezes a gente tem que deixar as pessoas caírem e quebrarem a cara para ver se aprendem a dar valor ao amor.

Comentários

  1. Eu me vi aí, mais uma vez... Às vezes a gente tem que deixar mesmo... :/

    Amei. Beijos, ka ;*

    ResponderExcluir
  2. Passei pelo mesmo
    =/
    Mas aprendendo sempre né!
    A vida não para

    legal aqui bjs
    http://sodesaltoalto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. ESTOU PASSANDO PELO MESMO, mas eu já desisti.. se quiser voltar, estarei aqui.

    adorei o comentário que você deixou la no meu blog ká, obrigada mesmo

    amo você e estou com saudades... que chegue mais uma férias *-*
    s2s2s2

    ResponderExcluir
  4. narrou a minha vida ai..
    gzuis, que medo!
    DUISHDSIUHDIUHDUIDHD
    parece que eu vi um filme passando com esse texto, adorei!

    bom fds!
    beijos!

    ResponderExcluir
  5. Nossa isso é foda, passei por isso também, mas hoje vejo que quem eu achava que era a melhor de todas pude ver que me prendia e não deixava eu ser quem eu sou. E hoje somos apenas colegas de classe que não se falam, ela quis assim então pra mim ta bom.
    "entendi que as coisas simplesmente acabam, as pessoas simplesmente mudam e os sentimentos simplesmente vão embora" morri com essa parte!
    beijos:*

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Gostou do post? Deixa sua opinião ou sugestão de post aqui que a gente vai adorar ler! ;)

Postagens mais visitadas deste blog

A história do fim de uma amizade

Você sentiu falta. Ligou, procurou, correu atrás. É estranho que isso tenha acontecido depois de tanto tempo. É estranho que tenha acontecido quando a alegria acabou, o namoro acabou, aquela sua maré ótima acabou. É estranho que você tenha buscado o colo e não a comemoração. Você sentiu falta, e eu queria que isso tivesse acontecido antes. Sentiu falta, e eu queria que eu voltasse a me importar com isso. 
Você veio, me abraçou, e teve um abismo enorme entre nossos dois corpos. A gente não soube o que falar, não soube até onde podia ir uma com a outra, não soube que novidades contar, não soube nada. Rimos aqui, ali, falamos aquele superficial que falamos com uma colega qualquer e depois nos perdemos em um silêncio que durou minutos, mas pareceu durar uma vida. 
Durou uma vida. Nossa amizade, tantos anos de risadas, de abraços, de choros, de lágrimas. E por isso é quase desumano soltar a mão de alguém que esteve com a mão entrelaçada na minha durante todo esse tempo. Mas acredito que nos …

Querido namorado da minha ex-melhor amiga,

Ela chorou durante uma semana quando o primeiro cara quebrou o coração dela. E a gente passou o fim de semana vendo Diário de Uma Paixão e Um Amor Pra Recordar por vezes seguidas. A gente comeu brigadeiro, e tomou sorvete, e eu dei colo, e eu ouvi e limpei as lágrimas. Você não viu, porque você não tava lá, mas eu tava. 
Ela sofreu para escolher que faculdade iria fazer. E me fez ir a palestras e cursos com ela, mesmo que eu não estivesse interessada em nada daquilo. E me fez saber um pouco mais sobre as profissões que tava considerando. E pediu minha opinião milhões de vezes. E só decidiu o que iria prestar no vestibular aos quarenta e cinco do segundo tempo. Você não ficou nervoso com a ansiedade de ver se ela tinha passado na faculdade pública, mas eu fiquei. Porque você não tava lá, e eu tava. 
Ela conheceu um monte de babacas nos anos seguintes. E algumas vezes chorou, algumas vezes bebeu, algumas vezes disse que nunca mais ia ficar com cara nenhum. Algumas vezes ela só dormiu com …