Pular para o conteúdo principal

Com amor, P.

Anita, 

Seu dia está chegando, você sabe não é? 

Eu sei que parece, de vez em quando, que eu te esqueci. É verdade, a vida vai nos levando, as coisas vão acontecendo, e a gente fica sem tempo de demonstrar ou falar o quanto sentimos falta de alguém.

Será que você me perdoa, Anita? 

Todos os anos, alguns dias após meu aniversário, eu lembro. Não que eu realmente esqueça algum dia. Fato é que sempre há aquelas dias em que nós lembramos mais. 
Sinto falta de um abraço que já nem lembro mais como era. De uma voz que só permanece na minha imaginação. De um amor que nem teve tempo de acontecer de verdade. Por mais que o tempo passe, por mais que outras pessoas apareçam…há mesmo alguma forma de superar a falta que essas pessoas especiais vão deixando em nossas vidas? Há mesmo algum remédio que preencha os vazios que elas deixam? Não é questão de ainda sangrar. As feridas fecham, cicatrizam, podem ser escondidas com maquiagem. Mas estão lá, todo o tempo, lembrando a você sempre que possível que existiram, que doeram, que sangraram, que foram. Foram.
É tão estranho falar de você assim, no passado. Parece que foi ontem, se eu tivesse que falar sobre período de tempo. Ao mesmo tempo, parece tão distante. Eu ainda dou risada das suas piadas, acredita? 
É ridículo, eu sei, mas não consigo te esquecer. Nem esquecer os momentos que passamos juntos. 
De vez em quando, aparece uma mulher qualquer. Eu penso: pode ser ela, a mulher que eu amarei mais do que tudo. E aí um lado de mim grita: para de ser idiota, essa mulher já passou pela sua vida. 


In another life, you would be my girl
Em outra vida, você seria minha garota
We'd keep all our promises, be us against the world
Nós manteríamos todas as promessas, seria nós contra o mundo
In another life, I would make you stay
Em outra vida, eu faria você ficar
So I don't have to say you were the one that got away
Assim eu não teria que dizer que você é aquela que foi embora
The one that got away
Aquela que foi embora



Você vai estranhar se eu disser que me contento em ser feliz só porque tive a oportunidade de te ter por perto durante algum tempo? Será que você vai estranhar que eu diga que eu não faço questão de mais ninguém?
Olho suas fotos sempre que posso. É uma maneira boba de te ter só por mais alguns segundos, só um pouco mais perto. 
Lembro de todos os nossos planos, de cada promessa, de cada vez que dizíamos que ficaríamos juntos para sempre. 
Lembro das nossas conversas sem sentido, na sua casa, na minha, na escola. Em qualquer lugar. Nunca falávamos coisa com coisa. 
Lembro quando você chorava e eu chegava perto e perguntava o que tinha acontecido.
Você parava de chorar só para me contar. 
"Você acaba com qualquer tristeza minha", você dizia.


Never one without the other, we made a pact
Nunca um sem o outro, nós fizemos um pacto
Sometimes when I miss you, I put those records on
Algumas vezes quando sinto sua falta, coloca aquelas músicas



Nossos pais diziam, desde quando éramos crianças, que tínhamos uma ligação que ninguém conseguiria explicar. 
Sabe o que eu queria agora? Que você aparecesse e acabasse com qualquer tristeza minha também, Anita. 
Por que você não volta, pequena?
Eu ainda te espero, todos os dias. Seu espaço ainda está guardado.


In another life, you would be my girl
Em outra vida, você seria minha garota
We'd keep all our promises, be us against the world
Nós manteríamos todas as promessas, seria nós contra o mundo
In another life, I would make you stay
Em outra vida, eu faria você ficar
So I don't have to say you were the one that got away
Assim eu não teria que dizer que você é aquela que foi embora
The one that got away
Aquela que foi embora


Desculpa.
Desculpa ter seguido em frente. Desculpa não ter conseguido encontrar uma maneira de ter te feito ficar. 
Desculpa.
Acho que sempre vou me culpar por ter sido você e não eu. 
Mas você permanece comigo. De alguma maneira, do meu lado, sempre. 
"Quando sentir muita saudade de mim, olha pra cima. E me manda um beijo", você disse, nos últimos dias.Se você soubesse quantas vezes eu olho para cima durante meus dias. 
Se você soubesse o quanto eu queria você aqui. 
Se você soubesse o quanto ainda te amo.
Se você soubesse como você faz falta. 
Me perdoa, Anita. 
Me perdoa. 
E me espera. Só….me espera.



Amo você, meu anjo da guarda,
Com amor,
P.



All this money can't buy me a time machine, no
Todo esse dinheiro não pode me comprar uma máquina do tempo, não
I should have told you what you meant to me
Eu deveria ter te dito o que você significava para mim

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A história do fim de uma amizade

Você sentiu falta. Ligou, procurou, correu atrás. É estranho que isso tenha acontecido depois de tanto tempo. É estranho que tenha acontecido quando a alegria acabou, o namoro acabou, aquela sua maré ótima acabou. É estranho que você tenha buscado o colo e não a comemoração. Você sentiu falta, e eu queria que isso tivesse acontecido antes. Sentiu falta, e eu queria que eu voltasse a me importar com isso. 
Você veio, me abraçou, e teve um abismo enorme entre nossos dois corpos. A gente não soube o que falar, não soube até onde podia ir uma com a outra, não soube que novidades contar, não soube nada. Rimos aqui, ali, falamos aquele superficial que falamos com uma colega qualquer e depois nos perdemos em um silêncio que durou minutos, mas pareceu durar uma vida. 
Durou uma vida. Nossa amizade, tantos anos de risadas, de abraços, de choros, de lágrimas. E por isso é quase desumano soltar a mão de alguém que esteve com a mão entrelaçada na minha durante todo esse tempo. Mas acredito que nos …

Querido namorado da minha ex-melhor amiga,

Ela chorou durante uma semana quando o primeiro cara quebrou o coração dela. E a gente passou o fim de semana vendo Diário de Uma Paixão e Um Amor Pra Recordar por vezes seguidas. A gente comeu brigadeiro, e tomou sorvete, e eu dei colo, e eu ouvi e limpei as lágrimas. Você não viu, porque você não tava lá, mas eu tava. 
Ela sofreu para escolher que faculdade iria fazer. E me fez ir a palestras e cursos com ela, mesmo que eu não estivesse interessada em nada daquilo. E me fez saber um pouco mais sobre as profissões que tava considerando. E pediu minha opinião milhões de vezes. E só decidiu o que iria prestar no vestibular aos quarenta e cinco do segundo tempo. Você não ficou nervoso com a ansiedade de ver se ela tinha passado na faculdade pública, mas eu fiquei. Porque você não tava lá, e eu tava. 
Ela conheceu um monte de babacas nos anos seguintes. E algumas vezes chorou, algumas vezes bebeu, algumas vezes disse que nunca mais ia ficar com cara nenhum. Algumas vezes ela só dormiu com …