Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2014

Sobre você ter ido e eu não

Eu podia falar que você não vai fazer a falta que eu acho que vai, mas seria mentira. Eu podia dizer que não doeu do jeito que você acha que doeu, mas isso não faria doer menos. Eu podia respirar fundo e continuar a vida como se você fosse só mais um amorzinho desses inhos que a gente tem enquanto fica procurando o tal do amor pra contar pros netos. Mas nada disso faria passar. Fingir que você não passou por aqui não vai apagar os rastros que você largou quando foi embora. Não vai.
Eu não tenho mais orgulho, não preciso manter as aparências, não me preocupo em sorrir pra todo mundo e dizer que, não, relaxa, vai ficar tudo bem, amanhã tô nova. Porra, pra que mentir que não dói quando tô aqui destruída olhando pra trás e ouvindo todas as músicas que a gente costumava ouvir junto? Eu tenho mesmo que ser essa modelete de vida perfeita que não sente, não chora, não grita, nem se joga na cama, bebe uma garrafa de vinho e reza pra passar?
Não, você não era tudo na minha vida. Ainda tenho a fac…

Não se pede desculpa pelo amor

Não se pede desculpa pelo amor. Pede-se desculpa pelos gritos, pelas brigas, pelos desentendimentos, os ciúmes excessivos, as pisadas na bola, a falta de respostas, pelos silêncios, pelas bebedeiras em que falamos verdades demais, pelas traições. Pelo amor não. Não há desculpa por amar. E é por isso que eu não me desculpo com você. 
Não se pede desculpa pelo amor. Não se pede desculpa pelo cuidado, pela insistência em acreditar em alguém que sequer acreditava em si próprio, por continuar ligando ainda que só tenha escutado a caixa postal. Não se pede desculpa por ter tentado até o último segundo, até a última gota de esperança, por ter amado até meu próprio peito questionar se valia a pena amar. O amor não deveria ser algo pelo qual eu acabaria me envergonhando.
Não se pede desculpa por ter achado que a distância não era nada, que o tempo aguentava, que você era capaz de prezar pelo o que a gente tinha ainda que tivesse que esperar. Não se pede desculpa pelo outro, pelas fraquezas alhei…