Pular para o conteúdo principal

Pra falar o quanto eu te amo

Eu tinha tanta coisa pra te falar. Toda noite, quando deitava a cabeça no travesseiro, eu me revirava ali pensando em tudo o que você ainda significava. No tanto que ainda significa. Na quantidade de amor que eu te dedico. E como eu te quero bem.

Nunca tive a coragem de te falar, olha, admiro você; você é incrível. Nunca consegui expressar a minha alegria de ter você na minha vida. O mundo (o-meu-mundo) era um lugar melhor porque você fazia parte dele. Você, alguma vez, teve noção disso?

Nunca te falei nada porque é isso o que a gente faz depois de quebrar muito a cara: não fala. A gente tem medo da rejeição, sabe? De ficar com cara de idiota, de fazer papel de boba.

Mas era em você que eu pensava quando acordava. E você, mesmo que só em pensamento, já me fazia tão feliz. Quer dizer, eu nunca conheci ninguém como você, e disso você sabia. O tamanho do seu coração, da sua bondade e da sua alegria sempre foi algo infinitamente maior do que a minha capacidade de te colocar em palavras. Mas se eu tivesse que te definir em uma frase, seria essa: Você espalhava amor pelo mundo.

Se eu pudesse voltar no tempo, acho que esta seria a única coisa que eu mudaria: eu teria falado, todos os dias, o quanto eu te amava. Com cada célula do meu corpo. De um jeito assustador, diferente de qualquer outra coisa que eu já senti na vida. Eu teria te falado que, às vezes, até doía, mas, mesmo assim, eu nunca abriria mão de te amar. Se eu pudesse voltar no tempo, eu gritaria minha admiração no meio de uma sala lotada. Seria a romântica incurável. Teria transformado nós dois em Romeu e Julieta.

Eu não sei aonde você está agora. Mas eu espero que você saiba disso: eu te amo mais do que as palavras podem traduzir. E eu não vou parar de te amar – nem quero. A dor de te perder é a mais profunda e intensa que eu achei que poderia aguentar. Mas nunca, jamais, será maior do que o amor que eu sempre vou sentir por você.

Comentários

  1. "A dor de te perder é a mais profunda e intensa que eu achei que poderia aguentar. Mas nunca, jamais, será maior do que o amor que eu sempre vou sentir por você." Sempre! Gostei muito do texto, descreveu exatamente como é comigo ><.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Ary! Fico feliz que gostou e se identificou. Beijos!

      Excluir
  2. Simplesmente maravilhoso! !!!

    ResponderExcluir
  3. Nathalia Pimenta7/10/14

    Ainnn que lindo! Amei amei ameii!! Parabens amoor. 💖💖💖

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é suspeita!!!!! hahahaha obrigada amor!

      Excluir
  4. Anônimo7/10/14

    Adorei!! Perfeito!!!!

    ResponderExcluir
  5. "Eu não sei aonde você está agora. Mas eu espero que você saiba disso: eu te amo mais do que as palavras podem traduzir." Muito mais. Deve ser por isso que nunca disse. Texto maravilhoso, adorei!

    ResponderExcluir
  6. Parabéns Paula, texto lindo ^^

    ResponderExcluir
  7. Entrei aqui na esperança de encontrar um texto que traduzisse o que eu estou sentindo neste exato momento. Você conseguiu fazer isso, obrigada! <3 Lindo texto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, Marcela! Fico muuiitoo feliz de ler isso. Muito obrigada pelo elogio.

      Excluir
  8. "Nunca tive a coragem de te falar, olha, admiro você; você é incrível. Nunca consegui expressar a minha alegria de ter você na minha vida. O mundo (o-meu-mundo) era um lugar melhor porque você fazia parte dele. Você, alguma vez, teve noção disso?
    Nunca te falei nada porque é isso o que a gente faz depois de quebrar muito a cara: não fala."

    Incrível, um dos textos que mais me inspirou e tornou as coisa mais claras pra mim... Paula você escreve muito bem, quero mais textos seus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, querida!! Você não imagina como comentários assim alegram meus dias! Obrigada mesmo. Beijão.

      Excluir

Postar um comentário

Gostou do post? Deixa sua opinião ou sugestão de post aqui que a gente vai adorar ler! ;)

Postagens mais visitadas deste blog

A história do fim de uma amizade

Você sentiu falta. Ligou, procurou, correu atrás. É estranho que isso tenha acontecido depois de tanto tempo. É estranho que tenha acontecido quando a alegria acabou, o namoro acabou, aquela sua maré ótima acabou. É estranho que você tenha buscado o colo e não a comemoração. Você sentiu falta, e eu queria que isso tivesse acontecido antes. Sentiu falta, e eu queria que eu voltasse a me importar com isso. 
Você veio, me abraçou, e teve um abismo enorme entre nossos dois corpos. A gente não soube o que falar, não soube até onde podia ir uma com a outra, não soube que novidades contar, não soube nada. Rimos aqui, ali, falamos aquele superficial que falamos com uma colega qualquer e depois nos perdemos em um silêncio que durou minutos, mas pareceu durar uma vida. 
Durou uma vida. Nossa amizade, tantos anos de risadas, de abraços, de choros, de lágrimas. E por isso é quase desumano soltar a mão de alguém que esteve com a mão entrelaçada na minha durante todo esse tempo. Mas acredito que nos …

Querido namorado da minha ex-melhor amiga,

Ela chorou durante uma semana quando o primeiro cara quebrou o coração dela. E a gente passou o fim de semana vendo Diário de Uma Paixão e Um Amor Pra Recordar por vezes seguidas. A gente comeu brigadeiro, e tomou sorvete, e eu dei colo, e eu ouvi e limpei as lágrimas. Você não viu, porque você não tava lá, mas eu tava. 
Ela sofreu para escolher que faculdade iria fazer. E me fez ir a palestras e cursos com ela, mesmo que eu não estivesse interessada em nada daquilo. E me fez saber um pouco mais sobre as profissões que tava considerando. E pediu minha opinião milhões de vezes. E só decidiu o que iria prestar no vestibular aos quarenta e cinco do segundo tempo. Você não ficou nervoso com a ansiedade de ver se ela tinha passado na faculdade pública, mas eu fiquei. Porque você não tava lá, e eu tava. 
Ela conheceu um monte de babacas nos anos seguintes. E algumas vezes chorou, algumas vezes bebeu, algumas vezes disse que nunca mais ia ficar com cara nenhum. Algumas vezes ela só dormiu com …