Pular para o conteúdo principal

Por aqui, por ali e por aí

Eu sei que de vez em quando vocês reclamam que eu sumo por aqui (e eu sumo mesmo, é verdade), então vim relembrar vocês que vira e mexe tem post meu em outros blogs também. Vocês podem encontrar textos meus lá no Depois dos Quinze e no Entre Todas as Coisas também.


E vocês podem sempre me encontrar no twitter @kahrosa, no instagram @kahrosawho ou no snapchat /kahrosa.
E falando em outros blogs, tô querendo fazer um novo post de indicações. Então, se quiserem, deixem os links com seus blogs nos comentários para eu dar uma olhada.
Gracias,
besos

Comentários

  1. Espero que você volte em breve com os posts! :D

    www>garotadosuburbio>com

    ResponderExcluir
  2. Tenho sentido falta de novos posts mesmo, sempre te acompanho no DDQ, mas tenho te achado sumida lá também (kkkkkkk).
    Beijos, Ka!
    http://www.mariajosemjnl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Te acompanho sempre, gosto muito dos teus textos.

    Meu blog é http://palavrasentimentosepromessas.blogspot.com.br/


    Beijos Kah

    ResponderExcluir
  4. Mais textos, por favor! rs
    Mas te leio em todas as partes.
    Meu blog: http://escrituras-da-alma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Ontem mesmo despejei rios de lágrimas ao ler seus último textos e olha que sou difícil de chorar com textos alheios, torço muito por você e entendo a falta de tempo! beijos, espero que goste do meu blog ♥
    http://parisdepriscila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Anônimo7/5/15

    Seus textos fazem falta, Kah!

    É sempre um prazer quando você visita meu blog!
    Beijos
    http://sentimentalismodesmedido.blogspot.com.br/?m=1

    Mart Reff

    ResponderExcluir
  7. Karine procuro seus textos por todos os lados! XD Parece que você vive a minha vida também ^^
    Meu blog tá só começando, mas espero que veja algum potencial no meu texto.
    somethingsobremim.blogspot.com

    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Sempre te acompanho no Depois dos Quinze mas sinto falta aqui viu Kah ?! Volta logo <3

    http://umpoucodesorte.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Volta mais vezes no seu blog. kkk Beijos

    Áhh, meu blog: http://todosteen.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Leio seus textos nos DDQ também, mas até de lá você tá sumida rs

    Beijos,
    www.miragemreal.com

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Leio e releio seus textos em todo lugar e não me canso, aliás, foram eles que me incentivaram a começar a escrever! Parabéns por escrever textos tão maravilhosos! Acho que entendo bem desses sumiços, espero que consiga voltar a escrever logo! Beijos!

    http://amores-de-papel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Leio seus textos em todos os lugares também, adoro o jeito como você escreve. E tudo bem sumir as vezes, acontece com todo mundo... Eu entendo.

    http://docescoracoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Sempre leio teus textos no Depois dos Quinze e nem preciso dizer que são ótimos, né? Acho que todo mundo concorda :)

    Se quiser dar uma olhadinha no meu... é amador mas escrevo com muito carinho.
    Beijos!

    http://multidaodepensamentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Curto bastante os seus textos, você escreve muito bem!


    http://verbear-se.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Eu AMO seus textos <3
    Espero que goste dos meus: www.ensaiopoetico.com/
    Beijinhos,
    Duda

    ResponderExcluir
  17. Não poderia ser tumblr? risos, sou apaixonada pelos seus textos, te conheci lá no Depois dos Quinze e desde então sempre fico caçando eles. De vez em quando também me aventuro escrevendo, bjs!

    http://sentimentossalvoscomsucesso.tumblr.com/

    ResponderExcluir
  18. Ei sumida, volta logo.
    Olha que é difícil eu comentar, mas é já ta na hora :-/
    Adoro seus textos, você escreve super bem.

    Inquietudes Secretas

    ResponderExcluir
  19. Some não! Adoro seus textos e eles fazem falta!!!

    leionarede.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Tua escrita me traduz! Sucesso sempre!

    Karoline Amorim

    www.catarsese.wordpress.com

    ResponderExcluir
  21. Psiu, baby: http://www.yasminbueno.com

    ResponderExcluir
  22. Suas palavras são incríveis! Você me inspirou a escrever, Kah.

    http://abraessagaiola.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Gostou do post? Deixa sua opinião ou sugestão de post aqui que a gente vai adorar ler! ;)

Postagens mais visitadas deste blog

A história do fim de uma amizade

Você sentiu falta. Ligou, procurou, correu atrás. É estranho que isso tenha acontecido depois de tanto tempo. É estranho que tenha acontecido quando a alegria acabou, o namoro acabou, aquela sua maré ótima acabou. É estranho que você tenha buscado o colo e não a comemoração. Você sentiu falta, e eu queria que isso tivesse acontecido antes. Sentiu falta, e eu queria que eu voltasse a me importar com isso. 
Você veio, me abraçou, e teve um abismo enorme entre nossos dois corpos. A gente não soube o que falar, não soube até onde podia ir uma com a outra, não soube que novidades contar, não soube nada. Rimos aqui, ali, falamos aquele superficial que falamos com uma colega qualquer e depois nos perdemos em um silêncio que durou minutos, mas pareceu durar uma vida. 
Durou uma vida. Nossa amizade, tantos anos de risadas, de abraços, de choros, de lágrimas. E por isso é quase desumano soltar a mão de alguém que esteve com a mão entrelaçada na minha durante todo esse tempo. Mas acredito que nos …

Querido namorado da minha ex-melhor amiga,

Ela chorou durante uma semana quando o primeiro cara quebrou o coração dela. E a gente passou o fim de semana vendo Diário de Uma Paixão e Um Amor Pra Recordar por vezes seguidas. A gente comeu brigadeiro, e tomou sorvete, e eu dei colo, e eu ouvi e limpei as lágrimas. Você não viu, porque você não tava lá, mas eu tava. 
Ela sofreu para escolher que faculdade iria fazer. E me fez ir a palestras e cursos com ela, mesmo que eu não estivesse interessada em nada daquilo. E me fez saber um pouco mais sobre as profissões que tava considerando. E pediu minha opinião milhões de vezes. E só decidiu o que iria prestar no vestibular aos quarenta e cinco do segundo tempo. Você não ficou nervoso com a ansiedade de ver se ela tinha passado na faculdade pública, mas eu fiquei. Porque você não tava lá, e eu tava. 
Ela conheceu um monte de babacas nos anos seguintes. E algumas vezes chorou, algumas vezes bebeu, algumas vezes disse que nunca mais ia ficar com cara nenhum. Algumas vezes ela só dormiu com …